quarta-feira, 18 de janeiro de 2012

Resenha do livro no blog Sempre Romântica

Posted by Maribell On 15:15 No comments

"Um lindo livro que fala de amor!" Podemos simplificar o livro em apenas essa frase? Acho que não, o livro é muito mais que isso...

Um amor fraternal, entre um casal apaixonado que decide adotar um filho, um menino, mas que se encanta com uma menininha linda que tem como amiga uma árvore (adorei a simplicidade com que a autora passa o encanto com o qual Charles e Francis escolhem Marina para adoção).

Assim começa a história de amor entre Daniel e Marina, duas crianças que se apaixonaram no primeiro olhar, um olhar infantil, mas carregado de promessas.

Maribell Azevedo conseguiu escrever em 472 páginas uma história completa, polêmica, cheia de sentimentos, um amor fraternal, carnal, de forma deliciosamente encantadora.

Os personagens coadjuvantes da história completam os protagonistas. Chanti e Lance conseguem dar aquela pitada de alegria numa trama tão densa, eles têm papéis fundamentais na trama, a amiga para toda hora, o amigo dos conselhos lógicos e sempre com uma visão maliciosa e única. Eles conseguem manter um equilíbrio na trama, até por que em cada cena Marina e Dan precisam de conselhos, dicas e até de um ombro para se consolarem.

É fácil se apaixonar pelos personagens, até por que Marina é descendente de brasileiros e a sua ginga e cor de pele mostram bem as nuances da raça, o que difere dos pálidos ares de Daniel, que com seu charme opta por ser ator, arrancando suspiros dessa “irmã” apaixonada, e claro dos leitores.

Maribell construiu uma história cheia de amarras e que se desenvolve de forma primorosa, é fácil captar nos personagens aquele nosso amigo(a), aquela mãe amorosa, aquele pai deslumbrado, aquele irmão protetor.

O livro é narrado sob a visão de Marina até a metade da história, depois alternando entre os outros personagens. Quando pensava que era Marina que estava narrando percebia que era a visão de Chanti, e isso me fez voltar a leitura para tentar entender que era outro personagem que narrava. A princípio isso gerou uma pequena confusão, mas logo percebi o que a autora queria passar e a leitura voltou a fluir normalmente.

Um assunto polêmico, escrito de forma clara e sucinta, sem deixar margens às dúvidas de que o amor mesmo encontrado nos lugares mais inusitados pode dar certo, apesar das adversidades.

Agora o que falar do final!

À medida que o livro ia caminhando para o final, e na minha sede para terminar, não percebi que haveria uma continuação. Isso me deixou de boca aberta, até por que mil perguntas ficaram na minha cabeça, como assim? Não pode!!!

Maribell me pegou de jeito, me fazendo ansiar de forma enervada por uma sequência o mais rápido possível, de preferência hoje, kkkk

Recomendadíssimo! Um livro assim deve ser lido por todos os fãs de um belo romance.

Preparem-se para grandes emoções!


Postado por Leninha.

http://natadosromances.blogspot.com/2012/01/amor-no-ninho-maribell-azevedo.html

0 comentários:

Postar um comentário